quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Empresa chinesa cria carro elétrico com autonomia para 30 dias


A autonomia de um carro elétrico é o ponto que mais pesa aquando da compra, pois ninguém quer ficar a meio do caminho durante uma viagem.
Se no início do desenvolvimento deste mercado a autonomia era limitada, nos últimos anos têm havido grandes avanços nesta área, especialmente recorrendo a painéis solares.
Binómio carros elétricos e painéis solares fotovoltaicos
E nos últimos meses surgiu a notícia de um grande desenvolvimento, por parte da Hanergy, que desenvolveu tecnologia para carros elétricos garantindo uma autonomia até 30 dias com uma única carga!


Photo PortalEnergia

Motor HET promete revolucionar indústria dos carros elétricos


Esta empresa chinesa, que está no mercado das energias renováveis com painéis solares de alta eficiência, garante ter a solução para garantir esta autonomia em carros elétricos.
Mas, isso só será possível de o carro percorrer apenas 20 kms por dia.
A empresa considera ser essa a distancia media e suficiente para a maioria das pessoas que apenas se deslocam de casa para o trabalho e trabalho para casa.

Após vários testes, a bateria do carro elétrico ainda ficou com 60% da bateria.
Os resultados foram satisfatórios após os testes com painéis solares no tejadilho do carro elétrico. Em 5 a 6 horas os painéis restabeleciam a bateria do carro elétrico, restabelecendo assim a autonomia do mesmo.
Durante os testes, 30 dias de testes, a bateria do carro esteve sempre operacional, sendo que em média ficava com 60% a 80% de carga entre cada teste realizado (percorrendo assim mais quilómetros).

Lightyear One, o carro solar que todos vão desejar



Durante o teste de 30 dias, cada dia após os 20 quilómetros conduzidos, a bateria ainda tinha entre 60& a 80% de disponibilidade, o que significa que o carro ainda podia andar mais 30 a 80 quilómetros, aumentando a autonomia diária do carro elétrico solar para 50 a 100 quilómetros, suficiente para o dia-a-dia”, esclareceu a empresa.
A empresa revelou ainda que este sucesso de autonomia para 30 dias, se deve ao uso de painéis solares especiais. São painéis solares compostos por uma película extrafina de arsenieto de gálio. Esse composto, arsenieto de gálio, é um composto químico sintético, de fórmula mínima GaAs. Na indústria eletrónica/informática, é um material muito usado, semicondutor, usado na construção de circuitos integrados!



Toyota com plano para veículos elétricos, híbridos e a hidrogênio


Fonte//PortalEnergia


Sem comentários:

Publicar um comentário