domingo, 29 de setembro de 2019

Parte da geleira do Mont Blanc à beira do colapso

Na primavera passada, os cientistas fizeram uma terrível previsão de que em consequência de um planeta cada vez mais quente, uma grande parte das geleiras dos Alpes europeus poderia derreter ate 2100. O derretimento parece ter começado. Parte de uma dessas geleiras já está à beira do colapso, alertaram autoridades nesta semana.


Photo Pixabay Simon


As autoridades italianas ordenaram a evacuação das cabanas nas montanhas e fecharam as estradas próximas ao Glaciar Planpincieux, que fica nas encostas da montanha Grandes Jorasses, na cordilheira do Mont Blanc. A geleira fica ao longo da fronteira franco-italiana, perto da cidade de Courmayeur.
A geleira está se movendo 50 a 60 centímetros) por dia, em média, de acordo com um relatório do governo regional do Vale de Aosta e da organização sem fins lucrativos Fondazione Montagna Sicura, com sede na Itália, o que motivou o aviso. Isso significa que 250.000 metros cúbicos de gelo podem potencialmente ceder e provocar avalanches enormes, de acordo com um comunicado da cidade de Courmayeur, na Itália.

O prefeito de Courmayeur, Stefano Miserocchi, culpou o aquecimento global. "Esses fenómenos testemunham mais uma vez como a montanha está em uma fase de fortes mudanças devido a fatores climáticos, portanto é particularmente vulnerável", disse Miserocchi num comunicado. "Neste caso, é uma geleira temperada particularmente sensível a altas temperaturas".
As geleiras temperadas, como as geleiras dos Alpes, geralmente têm temperaturas que estão quase no ponto de derretimento do gelo, o que significa que uma pequena mudança na temperatura pode ter um "grande impacto" sobre elas, de acordo com o US Geological Survey. No pior cenário, se as temperaturas médias subirem até 8,6 graus Fahrenheit (4,8 graus Celsius) até 2100, 95% o gelo glacial nos Alpes desapareceria, de acordo com um estudo publicado em Abril na revista The Cryosphere .
O que irá acontecer a este popular destino para caminhadas não é certo. Ninguém sabe quando se dará o colapso, mas as autoridades alertam que o aviso é preventivo e que não é uma ameaça para áreas turísticas ou residenciais, de acordo com o The Guardian . Quanto ao destino do nosso planeta,não deveria ser um jogo de espera, disseram os cientistas num grande relatório climático divulgado nesta semana. Estudantes de todo o mundo saíram às ruas na última sexta-feira (20 de Setembro) para protestar contra a passividade dos governos sobre as mudanças climáticas e os líderes mundiais viajaram para Nova York para participar da Cúpula das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas.

Aumenta a preocupação com o degelo da Gronelandia



Fonte//The Guardian





Sem comentários:

Enviar um comentário