quarta-feira, 21 de agosto de 2019

Elon Musk afirma que um grande asteróide colidirá com a Terra

Depois de sugerir que deveríamos explodir bombas nucleares em Marte para transformar a atmosfera, Elon Musk, CEO da SpaceX, postou no Twitter um aviso que “um grande asteróide provavelmente atingirá a Terra e atualmente não há defesa possível”.
O aviso veio em resposta a Joe Rogan, que compartilhou um artigo do The Daily Express , sobre o asteróide Apophis, alertando que  um iminente "choque com um asteróide", afirmando ser uma noticia sensacionalista de um evento cósmico inofensivo.

Photo Pixabay


Pela segunda vez na história, uma nave espacial terrestre aterra num asteróide



Descoberto pela primeira vez em 2004, o Apophis é um asteróide que passa próximo a Terra e tem de 370 metros de diâmetro e calcula-se que poderia atingir a Terra em 2029, mas com uma probabilidade bem inferior a 3% . No entanto, é categorizado como um "Asteróide Potencialmente Perigoso" pela NASA e considerado um risco espacial improvável, mas preocupante.
A NASA já havia discutido o asteróide na Conferência de Defesa Planetária de 2019 em Abril, observando que o Apophis passará inofensivamente pela Terra, a 31.000 quilómetros de altitude, segundo informação do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA (JPL).
Na verdade, "é possível que ocorram algumas mudanças na superfície, como pequenas avalanches", disse Davide Farnocchia, astrónomo do JPL’s Center for Near Earth Objects Studie.




Embora o artigo doThe Daily Express tenha mencionado que “a NASA está se preparando para o 'colossal God of Chaos' rock”, dando a entender facilmente que a NASA se prepara para o pior estilo “Armaggedon”, sendo a realidade é substancialmente diferente. Cientistas do JPL discutiram o envio de uma pequena nave para encontrar Apophis, enquanto vagueia pelo espaço.
"A aproximação do Apophis em 2029 será uma oportunidade incrível para a ciência", disse Marina Brozovi, um cientista do radar JPL, num comunicado em Abril. “Vamos observar o asteróide com telescópios óticos e de radar. Com as observações de radar, poderemos ver detalhes da superfície do asteróide com o tamanho de apenas alguns metros ”.
Isso não significa que Musk esteja errado, no entanto os seus comentários têm origem no evento bem recente do asteróide de grandes dimensões que passou rasando a Terra e quase não foi detetado, e o Apohis se passar assim perto a sua gravidade pode afetar a Terra.


Photo Pixabay

Asteroide pode provocar 'inverno cósmico' na Terra


Mesmo assim, não estamos tão indefesos como Elon Musk afirmou. Uma das próximas missões da NASA, por exemplo, será colocar uma sonda num asteróide distante a 13.500 para alertar a Terra.
A equipe por trás da missão apelidada de “Duplo Teste de Redirecionamento de Asteróides” , a primeira missão a sair do Escritório de Coordenação de Defesa Planetária da NASA, mostrou partes de sua nova nave espacial em Julho, uma coluna de alumínio estruturado em favo de mel que será posteriormente revestido com paneis solares.
O plano é lançar a nave a bordo de um foguete SpaceX Falcon 9 , na Base Aérea de Vandenberg, na Califórnia, em 2021, situação  irónica, considerando a posição de Musk sobre este assunto.

Asteróide Oumuamua pode ser nave espacial

Asteroide explode nos céus de Puerto Rico


O que acontecerá se um asteroide atingir a Terra


Fonte//Futurism













Sem comentários:

Publicar um comentário