quarta-feira, 15 de maio de 2019

NASA esta desenvolvendo aviões elétricos com célula de hidrogenio


Os cientistas financiados pela NASA estão trabalhando no desenvolvimento de uma aeronave totalmente elétrica usando hidrogênio criogenicamente liquefeito.
Os cientistas da Universidade de Illinois conseguiram financiamento da NASA de US $ 6 milhões, ao longo de três anos, para desenvolver a tecnologia, segundo um comunicado de imprensa publicado pela universidade, tecnologia que pode, se o projeto se concretizar, revolucionar a indústria da aviação.


Photo Universidade de Illinois


O maior avião do mundo voou no sábado pela primeira vez



O hidrogênio aos poucos está se tornando um combustível economicamente viável, e a Europa está investindo em sistemas de produção de hidrogênio recorrendo á energia eólica. A Alemanha recentemente apresentou um comboio movido a hidrogênio.
Até agora, as células de hidrogênio não tinham a capacidade de energia necessária para alimentar um jato sem o tornar pesado demais. O arrefecimento criogênico do hidrogênio pode dar origem a células de combustível densas e compactas o suficiente para serem usadas na aviação, mas a tecnologia para alimentar um avião com elas ainda não existe é aí que é entra o financiamento da NASA.



"Os avanços nos últimos anos em máquinas não-criogênicas colocaram a propulsão elétrica aos jatos comerciais regionais mais perto da realidade, mas os sistemas criogênicos totalmente funcionais continuam a ser o 'santo graal' para grandes aeronaves por causa de sua necessidade de potência e eficiência", afirmou o engenheiro elétrico Kiruba Haran no comunicado de imprensa. “As parcerias que foram estabelecidas para este projeto posicionam-nos num ótimo estado para abordar os obstáculos técnicos significativos que existem neste percurso.”


Engenheiros do MIT e da NASA demonstram um novo tipo de asa de avião




Fonte//Futurism





Sem comentários:

Publicar um comentário