sexta-feira, 12 de abril de 2019

Desativar o Facebook é uma perda de tempo pois será sempre rastreado


O Facebook continua o rastreando mesmo depois de desativar a sua conta. Ficou chocado com as recentes alegações sobre a política de privacidade e proteção de dados dos utilizadores do Facebook ? Se colocou (like) em muitas outras pessoas por todo o mundo, pode ter desativado sua conta para se afastar, mas acontece que desativar o perfil do Facebook não impede que o Facebook continue a obter os seus dados.


Photo Pixabay

O que aconteceria se o Google parasse de funcionar?




Mesmo sem uma conta ativa, o Facebook continuará a rastrear os movimentos dos ex utilizadores na web, e recolher dados para o caso de decidir voltar. O Facebook diz que apenas remove todos os seus dados se excluir sua conta permanentemente.
A empresa diz que eles continuam a armazenar seus dados mesmo após a desativação, para que possam atendê-lo melhor quando voltar a reativar a conta. Descobrir exatamente o que o Facebook está rastreando e colecionando é difícil saber, mas, ainda mais difícil quando está tecnicamente desativado.
O site sugere a desativação como uma maneira de gerir a privacidade, mas não diz que continuará a “espia-lo” neste modo. A falta de transparência do Facebook é notória e enganosa, disse à CNET Kathleen McGee, ex-chefe da Secretaria de Internet do procurador-geral de Nova York, que acha que a maioria das pessoas presume que ao desativar a conta, não seria mais rastreado.




Esta não é a primeira vez que o Facebook tem sido pouco claro sobre o tratamento dos dados dos utilizadores. Em março de 2018, o Facebook foi submetido a uma pressão intensa quando foi revelado que uma empresa britânica de consultoria, a Cambridge Analytica , recolhia informações sobre pessoas na rede social por meio de vários testes de personalidade.
O escândalo resultante fez com que muitas pessoas apagassem ou desativassem as suas contas, e uma nova pesquisa do Centro de Pesquisas Pew descobriu que 42% dos americanos fizeram uma paragem temporária na rede social durante o ano passado.
O Facebook provavelmente está rastreando seus hábitos na Internet por meio de ferramentas como o Facebook Pixel e plugins como o botão Compartilhar nas páginas. O botão Facebook Share está em mais de 275 milhões de páginas da web. O botão despretensioso permite que os anunciantes vejam que tipo de conteúdo você está visualizando.


Photo Pixabay

O regresso do incomodo Clippy



É por isso que você vê muitos anúncios de hoteis se estiver vendo os feriados num outro separador. Mesmo que não seja o proprietário de conta, o Facebook pode monitorizar os seus hábitos por meio de seus navegadores e veicular anúncios segmentados para si por meio de sua Rede de Audiência do Facebook .
Então, a linha de fundo é assim: se é um usuário ativo do Facebook, desativou sua conta ou nem mesmo usa a plataforma desta rede social, o Facebook está o monitorizando.

Há suspeita de que o Facebook escuta os seus utilizadores usando o aplicativo

7 funções do Google que provalvelmente não conhece

Namoro online, mulheres atingem o auge aos 18 e homens aos 50







Sem comentários:

Publicar um comentário