domingo, 3 de março de 2019

Califórnia ameaçada de erupções vulcanicas de alto risco


Há anos que a Califórnia vem-se preparando para um grande terremoto de magnitude 6,7 ou mais. Mas há outra ameaça mortal que é quase tão provável, mas que as pessoas podem não estar preparadas .
 Nos próximos 30 anos, há 16% de possibilidade de ocorrer uma erupção vulcânica de tamanho pequeno ou moderado em algum lugar na Califórnia, de acordo com um relatório dos US Geological Survey (USGS) publicado segunda-feira (25 de fevereiro). Esta previsão é baseada em 5.000 anos de registros de atividade vulcânica. Cerca de 200 mil pessoas vivem ou trabalham numa região em risco de erupção, e outros milhões a visitam todos os anos, de acordo com o relatório.


Photo KPBS


O que pode provocar o fim da humanidade?


Em comparação, há uma possibilidade de 22% de ocorrer um terremoto na Falha de San André, às vezes conhecido como "o grande" , nos próximos 30 anos.
"A Califórnia tem grande potencial para terremotos, deslizamentos de terra, inundações, tsunamis e incêndios ", escreveram investigadores no relatório. "O mesmo não pode ser dito em relação às erupções vulcânicas”
Existem sistemas para detetar potenciais erupções vulcânicas, mas entender os riscos em partes específicas do estado é importante para reduzir os danos e a perda de vida de tais acontecimentos.
Existem oito áreas vulcânicas em todo o estado que os especialistas dizem que são uma ameaça para pessoas ou propriedades próximas, de acordo com o relatório. Pelo menos sete dos oito vulcões estão no topo do magma e são considerados "ativos".
Destes, o Monte Shasta, o vulcão Medicine Lake e o Centro Vulcânico Lassen, no norte da Califórnia, assim como os Salton Buttes, perto da fronteira sul, entraram em erupção nos últimos 3.000 anos e são considerados áreas de alto a muito alto risco. A região vulcânica de Long Valley, no leste, também entrou em erupção nesse período, mas é considerada de risco moderado a muito alto. E o Campo Vulcânico de Clear Lake, ao norte de São Francisco, também é considerado de risco alto a muito alto, embora não tenha entrado em erupção nos últimos três mil anos.








Um vulcão pode causar danos generalizados, mesmo quando não está em erupção, de acordo com o relatório. Um vulcão em erupção pode causar chuvas de rochas, correntes rápidas de cinzas ou lava chamadas fluxos piroclásticos e chuva ácida. Mas mesmo os vulcões que não estão em erupção podem causar riscos. As áreas a volta do vulcão podem ser instáveis ​​e provocar deslizamentos de terra, por exemplo.


Embora esses efeitos sejam mais fortemente sentidos perto do local de uma erupção, deslizamentos de terra ou inundações podem atingir mais de 80 quilômetros de distância, e a precipitação pode até atingir áreas de 1.600 quilômetros de distância, de acordo com o relatório.
 "Os perigos vulcânicos provavelmente são mais do que um problema local, confinados a uma única região", disse o relatório. "Uma erupção no norte da Califórnia, por exemplo, poderia afetar negativamente os recursos naturais e as infraestruturas importantes para os sistemas estaduais de água, energia e transporte, e certamente exigirá um esforço de resposta multi jurisdicional". A própria erupção, aumentando e diminuindo de intensidade ao longo do tempo, pode durar meses, anos ou décadas, assim como seus efeitos posteriores.



Photo Youtube


Japoneses receiam uma catástrofe natural 

O USGS California Volcano Observatory usa recetores de GPS para registrar deformações de terra, sismômetros para medir agitação e espectrômetros para detetar as emissões de gases do solo. Um aumento na atividade em qualquer dessas três medições pode ser o primeiro sinal de que um vulcão entrará em erupção, de acordo com o relatório.
"Embora as erupções não possam ser interrompidas, medidas para limitar a exposição e aumentar a tolerância podem tornar a sociedade menos vulnerável aos seus efeitos". Isso inclui a evacuação de zonas de perigo durante uma erupção, tornando as infraestruturas mais resistentes aos seus efeitos, limpando rapidamente após o acontecimento e desviando lava ou removendo material combustível de seu caminho. No caso de queda de cinzas, as pessoas podem usar máscaras de partículas, evitar conduzir, isolar prédios, abrigar o gado, e procurar abrigo.






Sem comentários:

Publicar um comentário