segunda-feira, 18 de fevereiro de 2019

A Grande Barreira de Corais foi atingida por massa de água poluída

A Grande Barreira de Corais tem sido atingida constantemente por catástrofes, agora foi uma enorme massa de água poluída, proveniente das chuvadas em Queensland, na Austrália, e que atingiu em cheio o recife. Tal é a quantidade que a mancha de água lamacenta é visível do espaço.


Photo NASA
Descoberta maneira económica de reabilitar os recifes de coral


Imagens de satélite mostram as águas lamacentas que se estendem dos rios das Whitsundays até Cape Tribulation.
Para os recifes mais próximos, a cerca de 60 quilômetros da costa, a água poluída já chegou, tapando a luz do sol e sufocando a vida do recife.
O que se teme, segundo o ABC, é que as águas sujas contenham substâncias químicas agrícolas, como nitrogênio ou fósforo, porque podem matar os corais e algas marinhas próximas.




Sem previsões de ventos fortes para a a zona, a mancha de lama poderá manter-se e quanto mais tempo la ficar mais danos irá causar.
Em 2016, 93% dos recifes foram atingidos por uma doença devido ao clima quente, com 50% dados como mortos ou morrendo, e alguns acham que não podem mais ser salvos .


Photo NASA


Preocupante. Os oceanos estão a aquecer 40% mais rápido que era previsto


Mas pode haver um lado positivo disso tudo. Se os rios transportarem a água fria para o mar e se as nuvens continuarem bloqueando o sol, isso poderá ser suficiente para arrefecer algumas ondas de calor na água do mar para a região nas próximas semanas



Fonte// ScienceAlert





Sem comentários:

Publicar um comentário