terça-feira, 1 de janeiro de 2019

NASA autoriza produção em grande escala do Dream Chaser


Agendada para fazer sua primeira missão em 2020, a empresa anunciou em 18 de dezembro que havia feito o contrato de Serviços de Reabastecimento Comercial. A Sierra Nevada Corporation (SNC) foi autorizada a iniciar a produção em grande escala de seu avião de carga comercial "Dream Chaser".

Photo Futurism

Veja Tambem Qual o futuro das células de combustível


Agora, a empresa é capaz de avançar com a produção em larga escala do avião de carga espacial, que será usado para entregar a carga para a Estação Espacial Internacional (ISS).
O Dream Chaser foi projetado originalmente para o programa de tripulações comerciais da NASA, mas acabou sendo marginalizado pela NASA a favor de projetos da Boeing e da SpaceX.


Esta versão redesenhada do Dream Chaser original, inclui asas dobráveis ​​e é capaz de transportar 5.500 kg de carga para a Estação Espacial Internacional e transportar para a Terra 1.850 kg.
A SNC foi uma das três empresas, ao lado da SpaceX e da Orbital ATK (agora Northrop Grumman Innovation Systems), a ter um contrato de carga comercial da NASA em 2016. O contrato garante a cada empresa pelo menos seis missões à ISS.







Vários componentes do Dream Chaser já foram produzidos e testados. Numa conferência em outubro passado, Steve Lindsey, vice-presidente de Sistemas de Exploração Espacial da SNC, disse que esperava que a montagem e teste do primeiro Dream Chaser seja efetuada até outubro próximo.
Os altos custos de lançamento são um dos fatores que mais limites impõem nas operações espaciais comerciais. O aumento da concorrência entre as corporações está ajudando a reduzir o custo de lançamentos abrindo novas portas a empresas menores.
Quando os preços dos veículos desceram, o que, representa cerca de 80% dos custos em todas as missões, vai abrir o negócio ao mercado comercial.


Veja Tambem Voos hipersónicos estão para "breve"



Fonte//Futurism



Sem comentários:

Publicar um comentário