sábado, 1 de dezembro de 2018

Há suspeita de que o Facebook escuta os seus utilizadores usando o aplicativo


O jornal Canadense National Post publicou uma história intrigante, contada por um cidadão, em que este conta um facto ocorrido há doís anos. O dito cidadão havia-se esquecido os óculos escuros dentro do carro quando entregou o carro a um manobrador para o estacionar.

Os óculos foram roubados e o cidadão reclamou no estacionamento e indignado contou á esposa. Estranhamente no dia seguinte começou a receber links no Facebok de sítios onde podia comprar óculos iguais aos que haviam sitos roubados. Chegou á conclusão que  o Facebook realmente conseguia  ouvir as conversas particulares.

Photo Time Magazine

Veja Tambem Fundador do WikiLeaks revela ameaça á humanidade











Christopher Wylie, da Cambridge Analytica afirma, num relatório, que o Facebook pode estar ouvindo as conversas dos seus utilizadores usando os microfones dos smartphones
O relatório ainda afirma que, no ano passado, foi colocado um vídeo no Youtube onde um homem alega que o Facebook lhe enviou anúncios de comida de gato devido a uma conversa com a sua namorada. Esse vídeo tornou-se viral. E há muitas mais reclamações de espionagem nas redes sociais.

Tem havido várias especulações sobre o fato de o Facebook poder ou não, através do aplicativo 
Facebook no smartphone, ouvir as conversas das pessoas e usar isso para enviar publicidade. Muitas pessoas dizem que não é possível e alegam que o sistema Facebook é que é tão bom que consegue “adivinhar” o interesse das pessoas.


Veja Tambem As 10 modas mais fatais da internet


O Facebook negou, mas também informou que seu aplicativo só usa o microfone do smartphone se o utilizador o permitir, e também, apenas se estiver utilizando um recurso que tenha áudio, como por exemplo, gravando um vídeo.

Em outubro no ano passado (2017), o vice-presidente da gestão dos anúncios do Facebook Rob Goldman voltou a comentar esses rumores, através do twitter, afirmando que o Facebook não utiliza o microfone dos utilizadores para anúncios.






Sem comentários:

Publicar um comentário