quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

A hormona que desperta o desejo sexual masculino


A ansiedade pode ser uma das causas para a disfunção sexual masculina. Um novo estudo revela que pode haver um tratamento eficaz simultaneamente para a ansiedade e para a disfunção sexual, na forma de uma hormona chamada "kisspeptina".
Estudos sugerem que a "kisspeptina" pode reduzir a ansiedade e aumentar o performance sexual nos homens.

Photo Greenme


Veja Tambem Estes são os sinais que alguém esta sendo atraído por si


A disfunção sexual é definida como falta de desejo e excitação e é tida como resultado de problemas físicos ou psicológicos.
Nos homens, as formas mais comuns de disfunção sexual são, a disfunção erétil, ejaculação precoce e desejo sexual reduzido.
Calcula-se que cerca de 30 milhões de homens nos Estados Unidos sofram de disfunção erétil , e  as estimativas sugerem que cerca de  1 em cada 3 homens nos EUA já passaram pela ejaculação precoce em algum momento.







Para muitos homens, a ansiedade pode ser um gatilho para a disfunção sexual.
 Alguns homens preocupam-se demasiado com a ereção e manutenção da mesma o que pode ter implicações negativas para a função sexual. Outros podem estar preocupados com a imagem corporal, ou podem estar sofrendo de estresse psicológico devido ao trabalho, dinheiro ou problemas de saúde.

O novo estudo sugere que o aumento da atividade da hormona “kisspeptina” numa área específica do cérebro tem o potencial de reduzir a ansiedade e aumentar o comportamento sexual.
A “kisspeptina” é um hormônio produzido numa parte do cérebro chamada hipotálamo, tendo o seu nome derivado ao primeiro gene (KISS) para a hormona descoberta por uma equipa de pesquisa que trabalha na Hershey, PA, onde o produto é produzido, sendo conhecida por desempenhar um papel crucial na puberdade e fertilidade.


Veja Tambem As fantasias sexuais podem melhorar a sua relação


A hormona interage com os recetores da glândula pituitária, que está ligado ao fundo do hipotálamo. Isso leva a uma cascata de informação que estimula a produção das hormonas sexuais testosterona e estradiol.




Fonte//Medicalnewstoday




Sem comentários:

Publicar um comentário