terça-feira, 23 de outubro de 2018

China inaugurou a maior ponte marítima do mundo

O presidente da china, Xi Junping, acaba de inaugurar oficialmente a ponte mais comprida do mundo, com 55 km de comprimento. Ela tem um túnel que passa por baixo da água e une Hong Kong, Macau e Zhuhai.


A ponte custou US$20 biliões e começou a ser construída em 2009. Durante esses nove anos de trabalho, 18 trabalhadores morreram e dezenas ficaram feridos. As condições de segurança da obra foi muito criticada, assim como o custo total.


Foto Hypscience

Com 55 quilómetros de comprimento, a Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau faz parte de um plano para criar um centro global de ciência e tecnologia ligando os  dois territórios chineses, Hong Kong e Macau, para nove cidades próximas.

Com um custo de US $ 1,5 trilião, vai incluir também inclui a construção de um comboio-bala de US $ 11 biliões ,  que será inaugurado em Setembro.

Foto Hypscience

A ponte será aberta ao tráfego na quarta-feira, embora apenas veículos possam atravessar. Peões e ciclistas estão proibidos.

Veja Tambem Vietname constrói ponte quase irreal


Embora alguns tenham criticado a construção alegando um desperdício de dinheiro dos contribuintes, outros defendem-na argumentando sua capacidade de fazer movimentar até 70 milhões de pessoas na região.

A ponte de 20 biliões de dólares é 20 vezes maior que a ponte Golden Gate.



O título de maior ponte marítima do mundo pertencia anteriormente à Ponte da Baía de Jiaozhou, que se estende por 42 quilómetros.

A ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau foi projetada para durar mais de um século, com capacidade para resistir a grandes tempestades e terremotos.

A estrutura foi projetada para resistir a ventos de 339 quilómetros por hora segundo os testes laboratoriais. O verdadeiro teste foi em Setembro, quando o tufão Mangkhut varreu Hong Kong, destruindo telhados, quebrando janelas e derrubando árvores.

A ponte é feita de 420.000 toneladas de aço,o suficiente para construir 60 torres Eiffel.

As torres da ponte foram inspiradas em três elementos: nós chineses, o golfinho branco chinês e o mastro de um barco. As curvas da ponte foram projetadas para se assemelhar a uma cobra.

Foto Hypsience


Veja Tambem Trabalhar em demasia equivale e conduzir bêbado


Um túnel submarino de 6,4 quilómetros liga duas ilhas artificiais, que ajudam a sustentar a estrutura. O túnel foi construído para permitir a passagem de navios. A Greater Bay Area é um dos lugares com mais movimento de navios do mundo, com cerca de 4.000 embarcações passando por dia.

A construção começou em 2009 e estava prevista para terminar em 2016, mas atrasou devido problemas de orçamento e segurança.

Os ambientalistas temem que a construção tenha ameaçado o sustento do golfinho branco chinês. A área onde o Rio das Pérolas se encontra com o Mar do Sul da China já foi um santuário para a espécie, mas a população diminuiu desde o início da construção.

Espera-se que cerca de 40.000 veículos utilizem a ponte todos os dia.

Fonte//Hypescience

Sem comentários:

Publicar um comentário